A medicina é dinâmica e atualiza a todo instante e é dever do médico manter-se atualizado.

A metformina uma velha droga que é usada ha mais de 50 anos no tratamento do diabetes tipo 2. Entretanto muitos estudos tem demonstrado que as propriedades desse medicamento pode ajudar em muitas outras patologias.

Um equívoco comum sobre a metformina, é que algumas pessoas acreditam que esta droga esta relacionada com a quantidade de insulina produzida no pâncreas.

O foco da metformina é diminuir os níveis de glicose liberados pelo fígado. Isto significa que dessa maneira, o corpo apresenta menos glicose para processar, facilitando a utilização da insulina, reduzindo o estresse geral em seus processos metabólicos e aumentando sua expectativa de vida.

Todavia o nos importa neste post é a relação entre o uso de metformina para tratar a resistência a insulina e a obesidade.

10 coisas que acontecem em seu corpo quando se toma a Metformina:

1. A metiformina é absorvida depois de no intestino delgado.

2. Viaja pelo sangue até os tecidos

3. Reduz os níveis de açúcar no sangue e quando chega ao figado reduz a velocidade de produção de glicose.

4. O fígado incrementa o uso de glicose na corrente sanguinea para a corrente sanguinea para ser convertida em energia.

5. Diminui os níveis de ácidos graxos livres o que contribui para melhorar o funcionamento do pâncreas na secreção de insulina.

6. Ajuda na união da insulina com seus receptores celulares, com isto favorece o ingresso do açúcar dos alimentos para as células.

7. Permite que os músculos e as células de gordura captem e usa melhor a glicose.

8. O corpo aproveita a glicose dos alimentos levando  a energia.

9. Desaparecem o cansaço, a sede a fome excessiva, asim como as constantes vontades de urinar, isto devido a que não ha excesso de glicose no sangue.

10. A metformina é eliminada depois de 8 e 12 horas, quando se deve tomar outra dose.

Metformina e envelhecimento

Um estudo recente realizado pelo Instituto Nacional de Envelhecimento (EUA) testou os efeitos da metformina em ratos e o resultado foi que os animais que tomaram uma pequena dose de metformina tiveram um aumento em sua expectativa de vida de 5,83%. Então, pesquisadores estão analisando a relação entre a metformina e o envelhecimento.

Com estas novas deduções sobre a metformina, você deve estar se perguntando: como a metformina pode aumentar a expectativa de vida de uma pessoa? Bem, alguns cientistas acreditam que a taxa de envelhecimento tem uma correlação direta com a nossa restrição calórica e processo metabólico, o que faz sentido. Quanto mais trabalhamos para queimar algo, mais rápido ele queima, certo? Bem, este processo normalmente é regulado pelo metabolismo da glicose, e a glicose é a principal fonte de energia para o corpo. O metabolismo da glicose trabalha lado a lado com a insulina e o glucagon; quando você come, o seu corpo libera insulina para compensar a glicose ingerida. No entanto, comer demais durante um longo período pode mexer com o seu mecanismo e com a forma com que ele responde à insulina fazendo com que seu corpo desenvolva resistência à insulina. Isso pode levar a resultados estressantes em seu metabolismo.

Efeitos colaterais:

São leves e passageiros

  • Leve diarréia
  • Náusea
  • Dor de estômago

 ARTIGOS RELACIONADOS:

La metformina puede reducir el riesgo de cáncer de pulmón en los diabéticos no fumadores

Metformin May Reduce Prostate Cancer Recurrence Risk

Estudio revela papel del intestino en los efectos de fármaco contra la diabetes